Tuesday, August 08, 2006

Ferreira de Castro em Sines

Iniciativas em torno de "A Selva", de Ferreira de Castro .Apresentação do livro, exposição, sessão de cinema.CAS Agosto Para todosExposição "À Superfície do Tempo - Viagem à Amazónia"De 8 de Agosto a 8 de SetembroExposição produzida pelo CPF (Centro Português de Fotografia) com 53 fotografias (70x70 cm), de autoria de Duarte Belo, feitas em 2000, por ocasião das comemorações do quinto centenário da viagem de Pedro Álvares Cabral ao Brasil. Nestas fotografias o autor refaz, com a sua câmara, o itinerário vivido pelo escritor Ferreira de Castro, descrito em 1903 na sua obra A Selva
Ministério da Cultura / Centro de Português de FotografiaLivros em cima da mesa: "A Selva", de Ferreira de Castro11 de Agosto, 21h30
«... o clarão perdia terreno: já se via o bananal, apagavam-se, ao longe, os contornos da selva, o rio fundira-se na noite e os troncos cinzentos das três palmeiras começavam a vestir-se de luto. Quando chegasse a manhã, derramando da sua inesgotável cornucópia a luz dos trópicos, haveria ali apenas um montão de cinzas que o vento, em breve, dispersaria....»Apresentação do livro por Ricardo António Alves (Director da Casa Museu Ferreira de Castro de Sintra)Projecção do filme "A Selva", de Leonel Vieira9 e 16 de Agosto, 16h30
"A Selva" conta a história de Alberto, um jovem monárquico português refugiado no Brasil que vai trabalhar para a selva amazónica durante a febre do ouro negro. Ali, rodeado de perigos míticos, molda o seu carácter e conhece Dona Yá-Yá com quem mais tarde se vai envolver. Diogo Morgado e Maîte Proença dão corpo e alma aos protagonistas desta obra marcante da literatura portuguesa.

Quicklinks: Contactos, Horários e Outras Informações Como Chegar a Sines e ao Centro Mapa do Site Site do Centro de Artes de Sines, um equipamento da Câmara Municipal de Sines. (c) Câmara Municipal de Sines 2006 .

[estão todos convidados]

2 comments:

João Rosa Neto said...

Gostei de ter conhecido o seu blogue. Abraço.

RAA said...

Um abraço para si também, e obrigado.